Desvendando as praxias no autismo: do brincar ao falar

OBJETIVO:   

Capacitar os profissionais para identificar alterações de práxis nas crianças e encaminhá-las para avaliação específica.

PÚBLICO-ALVO: Terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos, cuidadores, familiares e demais integrantes de equipes multidisciplinares. 

CARGA HORÁRIA: 08 hs

METOLOGIA DE ENSINO: Aulas expositivas e práticas, desde os conceitos teóricos até a elaboração dos resultados. Utilização de vídeos, discussão de casos clínicos com diferentes perfis e exercícios práticos.

CONTEÚDO:  

  • Definição de dispraxia e apraxia da fala; 

  • Apresentação das principais abordagens de tratamento para as alterações de práxis motora global, orais e verbais; 

  • Apresentação de casos clínicos: desde a avaliação até as estratégias de intervenção.